Você está na página: Home / Notícias / Colheita do milho safrinha avança para 65% no Paraná segundo o Deral

Notícias

24/07/2019

Colheita do milho safrinha avança para 65% no Paraná segundo o Deral

A Secretaria de Agricultura e do Abastecimento do Paraná divulgou, por meio do Departamento de Economia Rural (Deral), seu o relatório de plantio, colheita e comercialização das principais safras do estado.

O levantamento apontou que 65% do milho safrinha paranaense já foi colhido. Do restante, 95% já estão em maturação e 5% em frutificação.

Deste montante, 74% estão em condições boas, 20% em média e 6% em condições ruins.

Até o momento, 36% do milho segunda safra já foi negociado pelos produtores paranaenses, enquanto 82% do milho de primeira safra já foi vendido no estado.

Em entrevista ao Notícias Agrícolas, o presidente da Aprosoja PR, Márcio Bonesi, confirmou esse avançado das colheitas e passou dados divididos por regiões. "Na região oeste, em Cascavel, a safra já está praticamente terminando, na região noroeste, em torno de Maringá, faltam 30% para colher e na região norte, região de Londrina, podemos colocar que estamos com 50% da área para colher e o clima está sendo muito favorável para colher".

 

 

 

Sobre o aumento de lavouras em condições médias e ruins, a liderança credita a responsabildiade as geadas rigorosas que atingiram o estado, principalmente a região norte onde o milho foi plantado um pouco mais tarde.

Já quando o assunto é produtividade, Bonesi aponta uma safra recorde no Paraná, com a região oeste atingindo entre 350 e 370 sacas por alqueire (entre 128 e 136 sacas por hectare) e produtividades entre 230 e 270 sacas por alqueire (entre 84 e 99 sacas por hectare) na região de Londrina. Um panorama bastante diferente da última safrinha 2018 e da safra de soja 2018/19 em que houve baixa produção devido a problemas climáticos.

Outro fator que anima o produtor paranaense é o recente aumento nos preços de venda para o milho. De acordo com o presidente da Aprosoja, os preços neste momento derão uma caída, até em função desta grande produtividade, mas o produtor conseguiu realizar vendas com altos patamares que vão ajudar a colocar as contas em dia.

Confira a entrevista completa com o presidente da Aprosoja PR:

 

Tags:
 
Por: Guilherme Dorigatti
Fonte: Notícias Agrícolas

Veja também:

24/07/2019
Economia começa a reagir para gerar empregos, mas a paciência dos brasileiros está no limite

24/07/2019
Com pouca soja disponível, produtor brasileiro tende a segurar vendas para o último trimestre. Safra nova só acima de

24/07/2019
Soja sobe em Chicago nesta 4ª feira se recuperando de duas sessões no vermelho

16/04/2018
Milho: Com foco no clima e na safra americana, mercado encerra semana com leves quedas na CBOT

16/04/2018
Revisões para baixo na safra de soja e milho na Argentina

Veja mais

Voltar | Topo | Home

Agrológica
Unidade 1 - Primavera do Leste - MT - Avenida São Paulo, 1130 – Distrito Industrial - 66 3500 6300
Unidade 2 - Rondonópolis - MT - Av. Bonifácio Sachetti, 1896 - Distrito Industrial Augusto B. Razia - 66 3423 2249
Unidade 3 - Lucas do Rio Verde - MT - Avenida da Produção, Parque das Emas II, 2620 W - 65 3549 5464
Unidade 4 - Nova Mutum - MT - Av. Perimetral das Samambaias, 1920-W - Parque das Águias - 65 3308 4600
Unidade 5 - Confresa - MT - BR 158, Lote 5, Qd 01 - Residencial Babinski ll - 66 3508 1028
Unidade 6 - Sorriso - MT - Av. Dr. Ari Luiz Brandão, 1514 - Bairro Industrial Nova Prata - 66 3545 1494